25abr 12

Comprinhas na Argentina

Dia 14 eu fui pra Buenos Aires e fiquei até dia 18. Até então eu nunca tinha saído do Brasil, e foi incrível, recomendo a todos irem para lá.

Tudo é em pesos, então o valor que tem na etiqueta significa menos da metade em reais. Apesar de que em muitas coisas os preços serem compatíveis com os do Brasil, consegui comprar várias coisas que achei que valeram a pena. A maioria das coisas que comprei nem foi em Buenos Aires, foi no Freeshop (no aeroporto quando você embarca em vôo internacional, é tudo livre de impostos).

Lá eu comprei o Bi-Fácil da Lâncome, que estava 20 dólares (sim, lá é tudo em dólar, ou seja, quase o dobro do valor em real), que foi uma das coisas que mais compensou na minha opinião, pois no Brasil ele custa 148 reais, e em reais eu paguei menos de 40. Absurda a diferença não?

Comprei também a base da MAC por 28 dólares, pergume Loverdose da Diesel por, acho que, 65 dólares e o óculos de gatinha da Vogue, por 90 dólares.

Chegando lá comprei também umas sombras com tons de marrons da Maybeline e uma base da mesma marca que não está na foto, ela ficou um pouco escura pra mim, não lembro os valores de ambos, mas eram baratinhos também, algo como 30 reais os dois juntos. Comprei um gloss de brilho que é perfeito e super brilhante que custou 15 pesos.

Ah, a plaquinha da primeira foto é igual as placas dos carros deles e eles personalizam com o nome que quiser. Custa 20 pesos, não exitei em comprar! Comprei ela no Caminito, lugar lindo para se conhecer e tirar várias fotos.

Esse casaco comprei na feira de Santelmo. Quem for para Buenos Aires deve ir nessa feira. Tem muita cacalhada, mas você consegue arranjar coisas muito legais como esse casaco… Ele custou menos de 40 reais.

Essa botinha eu comprei na Heyas, não saiu tão barato comparado com aqui, custou na faixa de 160 reais. Mas essa loja é cheia de botas e tênis incríveis. Queria ter levado uns 5 pelo menos, rs. Quem quiser conhecer, fica na Avenida Santa Fe, umas 3 quadras da Bond Street (uma galeria do rock Argentina) .

O casaco pink que comprei no Caminito.

Se você tem planos de ir para Buenos, confira minhas dicas:

Não Siga a Vaca: O restaurante Siga la Vaca é super famoso, mas é carro e ruimzinho. Não vale a pena ir. Um restaurante mais barato e mil vezes melhor que ele é o Brasas Argentinas, pode ir na fé que não vai se arrepender.

Vá a um Show de Tango: Só fui no Señor Tango, é perfeito, mas aconselho a pegar apenas o show e jantar em outro lugar, vai economizar muito. Outro show famoso que dizem ser muito bom é o Madero Tango, que fica no Porto Madero. A maioria dos hotéis tem translado gratuito para a maioria dos tangos.

Não espere muito dos Outlets: Os preços não são bons e é um dia perdido para você comprar pouco e gastar um preço brasileiro. Só compensam alguns como Lacoste… e não lembro outro.

Lugares Turísticos para conhecer: Você deve ir ao Caminito, Porto Madero e Recoleta (tanto o cemitério como a região da Recoleta). Não fui ao Jardim Japonês, mas pretendo ir quando voltar, dizem ser uns dos lugares mais lindos para se ver. O Café Tortoni não é barato, mas é muito lindo e ainda assim acho que vale a pena ir.

Tax Free: Algumas lojas oferecem Tax Free, é uma nota de devolução do valor dos impostos. Quando você tiver suas notas de Tax Free pode trocar no aeroporto por pesos, desde que mostre suas mercadorias no lugar específico. Vale a pena pois dá uma porcentagem boa de até 18% das suas compras. Só não esqueça de não despachar a bagagem antes de ir trocar o Tax Free, eles não fazem a troca sem ver o que foi comprado.

Comente pelo Facebook

1 Comentário

  1. Alex

    25/4/2012 às 10h14

    Oi, meu nome é Alexandre Prado e tenho um blog, para compartilhar minhas pesquisas, idéias sobre motos e carros tunados. Adorei suas novidades porque minha mulher tem aniversário esta semana e estou desesperadamente procurando inspiração pra encontrar um presente legal pra meu Amorzinho. Obrigado pelas dicas.

    Responder

Comentar