02ago 13

Coisas que aprendi nessa viagem

Depois de aproximadamente dez anos viajei nessas férias, a primeira em anos, para Fortaleza/Ceará. Não foi uma viagem fácil, mas não me arrependo.

Vi paisagens e conheci lugares impagáveis, que na verdade custaram bem caro. Conheci os amigos de um pescador que havia visto na TV e entendi porque apesar da vida simples e difícil ele não troca a tranquilidade daquela praia por nada.

Fiz rali de buggy em dunas de areias, vi paisagens que foram cenários de novelas, andei de jangada e até dancei forró. Mas nada disso teria valido apena se não tivesse visto, depois de anos, minha família.

Aprendi nessa viagem que nem tudo o que parece é, e às vezes o que parece REALMENTE é.

Que em cidade pequena também tem gente bonita, beeem bonita, e arrumada. Que estar ”atrasada” comparada as grandes metrópoles não é algo necessariamente ruim.

Que existe vida fora da internet, que não precisamos dar check-in em todo lugar e que os melhores momentos, a gente registra mesmo é na memória.

Que nem sempre os problemas dos outros são os problemas da gente, mas que às vezes temos que interferir se não a coisa desanda.

Também aprendi que existem problemas de convivência que não importa o Estado, sempre, sempre vão te acompanhar. E que a família da gente é a família da gente em qualquer lugar.

Por .

Comente pelo Facebook

Comentar