Review - smartgirls

Posts publicados na categoria Review

11jul 18

SUPLEMENTO (TESTADO) QUE DÁ AQUELA FORCINHA PRA QUEM FAZ EXERCÍCIOS

Acordar cedo, trabalhar, ir pra academia, tudo isso pode ser uma rotina muito puxada. Lutar contra o cansaço, fadiga e sono do dia-a-dia às vezes parece uma missão impossível. Eu mesma comecei a tomar pó de guaraná pra dar aquele gás antes dos treino de funcional e taekwondo mas quem já tomou sabe que o gosto é simplesmente horrível e o negócio não dilui nem a pau.

Por isso, recorri as cápsulas do NC5 – Synergy Infinity,  basicamente ele é um polivitamínico para atletas (voltado para esportistas que necessitam de um maior desempenho físico ou aeróbico), ele atua dando mais energia e melhorando a recuperação muscular. Os cinco ingredientes principais que compõem as cápsulas são: magnésio, cafeína, clorela, zinco e manganês.

Cada componente separado já possui vários benefícios, por exemplo: o magnésio ajuda a diminuir a fadiga, a cafeína ajuda a dar energia e vitalidade, o zinco fortalece a estrutura muscular, além de ser um ótimo antioxidante e o manganês auxilia no combate aos radicais livres.  Vale ressaltar que esse suplemento não substitui uma refeição. Eu gostei bastante dele, tomava 1 cápsula pela manhã e uma antes do treino, fez toda diferença.

Pra quem está buscando um site confiável e com um ótimo custo benefício, você encontra na loja virtual Bom Suplemento.

 

Por .
10jul 18

CIRCO TURMA DA MÔNICA ESTREIA EM SÃO PAULO

© João Caldas Fº

 

Estreou ontem no Teatro Opus, no Shopping Villa Lobos o espetáculo Circo Turma da Mônica – O Primeiro Circo do Novo Mundo, produzido nos estúdios da Maurício de Sousa Produções por Mauro de Sousa filho do quadrinista criador da Turma da Mônica, Maurício de Sousa. Apresentado por Dedé Santana, o espetáculo encanta e surpreende o público pela sua magnitude. Passei maior parte da infância frequentando o parque, então assistir a turminha reunida num musical foi como voltar à infância de um jeito ainda mais encantador.  Os artistas se apresentaram com performance de balé, malabarismo, trapézio, cama elástica e muito mais. Tudo com uma narrativa interativa com música ao vivo e uma superprodução que envolveu mais de 200 profissionais pra criar uma história que prende a atenção do começo ao fim. Continue lendo

Por .
29jun 18

FAZENDO AS PAZES COM O CORPO POR DAIANA GARBIN

Vi esse livro a primeira vez no stories de alguém que não me lembro bem quem, com a pergunta: “alguém já leu?”. O título me chamou bastante atenção, mesmo sendo formada em jornalismo como não assisto TV não me familiarizei com o nome da autora  e repórter Daiana Garbin. Quando li a sinopse o fato de uma mulher incrivelmente linda ter assim como eu uma relação doentia com a comida mostrou que era algo do qual eu precisava. Porque esse tipo de transtorno não escolhe biotipo, classe social ou etnia.  Já falei aqui e no meu outro blog sobre meus problemas de transtorno alimentar, não é segredo. Não faço terapia e é difícil admitir que isso atrapalha minha vida, porque eu transito entre o extremo de estar bem e não sair de casa por vergonha do meu corpo ou comparação com amigas.

FAZENDO AS PAZES COM CORPO, é um livro esmagador que te coloca diante de um espelho e passa uma mensagem sobre saúde e auto aceitação. Porque todos os dias temos que lidar com a mídia e a sociedade encontrando defeito em nossos corpos e dizendo que o que temos não é o suficiente pra sermos consideradas bonitas. Acho que nunca vamos estar plenamente satisfeitas com nossos corpos, mas a questão é não maltratá-lo pra alcançar um padrão que não condiz com a realidade e muitas vezes é pura manipulação. Uma vez a própria  super modelo Cindy Crawford disse:  “Eu queria me parecer com a Cindy Crawford”. A declaração se referia ao tanto de truques e retoques que suas imagens recebiam, ou seja, ela mesma admitia que ela não era como aparecia nas revistas. Continue lendo

Por .
29ago 16

COFFIN HILL: Crimes e Bruxaria VOL. 1 – FLORESTA DA NOITE

coffin hill

Quando vi a capa desse quadrinho, sabia logo de cara que ia gostar. Desde o estilo de desenho até a história (sério, as artes do quadrinho são incríveis). Em um primeiro momento Coffin Hill pode parecer um conto adolescente, e no começo da história é o que mostra, a protagonista Eve Coffin, bancando a “revoltadinha”. Uma típica adolescente problemática com uma queda pelo ocultismo, e que acabou flertando com o lado errado, despertando poderes ocultos de nossa realidade.

Mas a história passa rapidamente por esse período e ela cresce, é aí que a coisa toda começa a ficar interessante. Coffin Hill é uma obra de horror que explora o que as pessoas vão fazer, como lidam com poder e coloca em discussão a futilidade que é fugir do passado.

coffin hill2

Apesar de Eve ser a herdeira de uma das mais ricas famílias da Nova Inglaterra, seus ascendentes não vieram no Mayflower, famoso navio que trouxe os peregrinos. Eles são bruxos e suas profundas raízes remetem à cidade de Salem.

A história toma forma quando crianças começam a desaparecer, exatamente como aconteceu quando ela e seus amigos libertaram forças misteriosas na floresta de Coffin Hill, Eve é mais uma vez atraída para a casa que havia abandonado, e para um horror que jamais deixará sua mente. Agora, o único jeito de impedir as trevas é deixar que sua própria escuridão tome conta.

A HQ é criação da romancista Caitlin Kittredge, que teve o interesse por quadrinhos despertado, na faculdade ao ler Sadman. Para ela os editores estão buscando diversidade, indo atrás de todos os tipos de pessoas para escrever e desenhar para eles. “Tem havido um enorme afluxo de talento no campo nos últimos dez anos. Nunca houve um melhor momento para trabalhar em quadrinhos”. Afirmou a autora em entrevista ao blog da DC Comics.

CoffinHillCoverFeat

O primeiro arco é muito sobre Eve em conflito consigo mesma. No final da primeira edição ela volta para sua cidade natal. É o local de seu maior erro, de seu maior arrependimento; é o local de todos os problemas que ela pensou ter deixado para trás com seus segredos de família. Ela realmente apenas tenta, mas não pode escapar disso. Tem que enfrentá-lo e, basicamente, arrastá-lo para a luz do dia porque essa é a única maneira de exorcizar um segredo; trazê-lo à vida. Ela não está realmente certa do que aconteceu naquela noite na floresta, tem suas próprias memórias e outras pessoas que estavam lá têm as suas memórias. E assim, descobrir o que realmente aconteceu, vai ser o que lhe permite tentar colocar esses segredos para descansar.

coffin

A primeira edição foi publicada pela Editora Panini, que informou não ter previsão para uma continuidade da saga.

  • Encadernado
  • 17 x 26 cm
  • 172 páginas
  • Papel LWC
  • Capa Cartão
  • Lombada Quadrada
  • R$ 22,90

editora panini

 

Por .
20ago 16

Orphan Black motivos para amar essa série

orphan-black_1

Se você ainda não conhece essa série, precisa MESMO conhecer. Orphan Black já está na minha lista de séries favoritas bem ao lado de TWD, Vikings, Demolidor e Jessica Jones.

Confesso que quando um amigo meu Felipe, me indicou a série falando que era sobre clones, fiquei com certo receio, mas assim que comecei a assistir foi impossível parar. A série da BBC America já tem 4 temporadas, em menos de um mês assistindo já cheguei na última o que quer dizer que…

    1. Tenho muito tempo livre
    2. Sou uma pessoa muito desocupada
    3. A série é sensacional

Tatiana Maslany, a estrela. Ela é, acredite, interpreta só na primeira temporada 7 personagens. Confesso que antes da série eu não a conhecia, mas sua atuação não deixa nadinha a desejar, muito pelo contrário. Cada personagem tem suas particularidades e é bem diferente do outro apesar de serem clones, sim você leu direito, clones.

Pra você entender melhor a primeira temporada possui 10 episódios e teve início em 2013. A história começa com Sarah Manning, uma órfã britânica com um histórico de delitos criminais, presenciando o suicídio de uma desconhecida com a aparência idêntica à sua, depois disso ela resolve assumir sua identidade tornando-se a detetive Elizabeth Childs. As intenções iniciais de Sarah eram simplesmente tomar posse do dinheiro contido na conta bancária de Childs e usá-lo para começar uma nova vida com seu irmão adotivo Felix Dawkins (grave esse nome ele é um personagem fundamental na trama) e sua filha de 7 anos, Kira. Sarah usa a morte de Beth para despistar seu ex-namorado, um traficante de drogas chamado Victor, assumindo a identidade da policial e, consequentemente, acaba se envolvendo em uma conspiração envolvendo clonagem humana. Sarah então tem de ao mesmo tempo impedir que a polícia descubra sua identidade verdadeira e ajudar suas recém-descobertas irmãs clones a descobrir sua verdadeira origem, além de se proteger de um grupo de fanáticos religiosos que desejam destruí-las.

Apesar da história louca, a série é bem intensa e muito envolvente, ela faz a gente refletir sobre conflitos éticos e religiosos. Além de aguçar nossa imaginação sobre a parte científica.

As cenas onde as personagens coexistem são tão bem feitas que nem percebemos a bruxaria de Hollywood com toda computação gráfica. Mas não é tudo feito no computador não, longe disso! Cada cena de clones é filmada quatro vezes.Uma cena com dois clones é filmada uma primeira vez, com a atriz Tatiana Maslany e uma dublê interpretando, cada uma, um personagem. Em seguida, Tatiana faz a mesma cena sozinha, conversando com um ponto na parede e repetindo os mesmos movimentos nos tempos exatos.

Aqui vai um gostinho sobre as personagens principais:

  1. Cosima Niehaus

Sério gente, apesar de todas as personagens terem o mesmo fuço eu tenho crush na personalidade da Cosima. Descontraída, lésbica assumida, cientista e nerd. Encanta os corações dos fãs com seu humor inteligente e sua implacável necessidade de cuidar de suas irmãs recém-descobertas.

  1. Helena

Você vai começar a série odiando essa personagem com todas as suas forças e depois vai amá-la na mesma proporção. Helena tem sido parte de algumas das cenas mais violentas do show, e matou várias de suas “sestras” no passado, mas é uma pessoa atraente que está na linha entre o bem e o mal.

  1. Alison Hendrix

Ela pode ser bem irritante e subestimada no começo, mas vai te impressionar no decorrer das temporadas. Ela parece saída direto de Desperate Housewives, com seus dramas familiares, tentando levar uma vida aparentemente normal, mesmo estando no meio de tanta loucura.

Bem essas são só algumas das clones que vão aparecer na série. Mas já dá pra ter uma ideia do que vem por aí.

Por .
17ago 16

Esquadrão Suicida: Chute na cara

DSCN3612

O filme do Esquadrão Suicida foi lançado e junto dele a Panini lançou um encadernado que está bonito de ver.

A equipe do encadernado é um pouco diferente da que vemos no filme, no quadrinho ele é composto por Pistoleiro, Arlequina, El Diablo, Voltaico, Aranha Negra e Tubarão-Rei, os primeiros convocados para a força-tarefa comandada pela obstinada e nem tanto ética, Amanda Waller.

Segundo informações da editora, a continuação está prevista para outubro, podendo sair em setembro.

Bartolomeu approved it! Bartolomeu approved it!

Confira abaixo, o vídeo publicado na página oficial Panini Comics sobre esse encadernado.

E se você ficou curioso para ler mais títulos ligados ao Esquadrão e seus personagens, é só dar uma olhadinha aqui: http://bit.ly/ScdSquad

Por .
23jun 15

Review: Clairol Professional Color Radiance

color-radiance-radialux

Recebi esses tempos a linha Color Radiance da Clairol e como nunca havia usado essa marca logo troquei tudo do banheiro para começar a testar!

Faz tempo que não falo de produtos para cabelo e esse é bem diferente dos que tenho usado. Começando por você usar o condicionador depois da máscara.

Explico: o condicionador é em spray e sem enxágue. Você deve passar ele após dar uma secada nos cabelos com a toalha.

No geral os produtos são muito bons:

  • O shampoo é bem gostoso e com pouca quantidade já ocupa o cabelo todo. Tem cor perolada (avisando já as pessoas que preferem os transparentes) e aroma bem suave e gostoso.
  • A máscara intensiva hidrata bem os cabelos… tenho usado todos os dias por que minhas pontas estavam bem destruídas e está dando um bom resultado.
  • O condicionador em spray é muito bom para quem tem cabelo muito embarassado e que causa muitos nós, pois facilita na hora de escovar. O aroma é o melhor dentre os 3 pois parece que como ele é para borrifar por último vem com o aroma mais forte para fixar.

Como ele é um produto para cor do cabelo e não para a oleosidade, pode não ser uma boa para quem tem cabelos muito oleosos. Meu cabelo não costuma ser oleoso, mas ultimamente minha raiz está ficando oleosa muito fácil, então revezo o shampoo com um anti resíduo dependendo de como meu cabelo está no dia.

No geral, é uma das melhores linhas que já usei, mas por que meu cabelo é normalmente seco e ele hidrata muito bem.

Pelo que vi no site beleza na web, os valores de cada produto variam entre R$47 e R$61.

Por .
16dez 13

Pro Series Wella Frizz Control

Recebi tem algum tempo esse kit  mas decidi usar por algum tempinho para falar dele, o Frizz Control da Wella.

Eu não lembro de ter comprado alguma vez um produto da Wella para lavar os cabelos, então fiquei bem curiosa.

Meu cabelo não tem muito problema de Frizz, então não sei se realmente melhora nessa parte, mas preferi falar dos produtos mesmo como uso diário.

O Shampoo tem uma textura muito boa, daquelas que você deixa o cabelo todo com espuma fácilmente e tira bastante a oleosidade, sem dificuldades e rendendo bem. Gostei muito e acho que entrou para minha lista de preferidos.

Condicionadores sempre são difíceis de me agradar, minhas pontas são extremamente secas, por desleixo e preguiça de cortar mesmo, então fico esperando que os condicionadores tenham uma boa função hidratante. Esse condicionador ele é muito bom, não ajuda muito no meu caso de pontas muito secas, mas acho que se não fosse meu desleixo ele deixaria meu cabelo com aquele brilho perfeito. Ele hidrata sem deixar oleoso!

Agora o creme de controle do frizz no meu cabelo não funciona muito bem, meu cabelo é muito fino e tende a ser oleoso no couro cabeludo, então se eu passo e deixo o tempo que é para deixar ele fica grudadinho na cabeça, mas quem tem cabelo mais seco e com o bendito frizz, acho que deve ajudar bastante. Não indico para quem tem cabelo fino demais, mas quem tem muito cabelo também deve ajudar um pouco para reduzir o volume.

#APROVADO

Por .
31out 13

Review: QuickTouch Philips Walita

Recebi tem algum tempo o vaporizador de roupas QuickTouch Philips Walita.

Esses vaporizadores também são conhecidos como steamer. Eu conheci esse tipo de produto quando trabalhei em loja de roupas, por ser mais rápido para “passar” as roupas que ficam a mostra.

Bom, recebi esse da Philips Walita para testar e já fiquei louca. Moro em apartamento pequeno, então não é ruim para ter uma tábua de passar roupas e ficar montando ela sempre que for passar. Como eu e o Gui moramos juntos e não temos o hábito de passar roupa, só na hora de sair mesmo, esse produto se torna muito prático.

Ele é pequenininho e tem esse cabo para o cabide que é retrátil, deixando o produto caber dentro do armário se precisar. Eu prefiro deixar montadinho num canto para quando precisar só ligar.

Bom, Ele funciona de forma bem simples, é só colocar água, ligar, esperar dois minutinhos e passar na peça amassada.

Peças muito grossas demoram um pouco mais para desamassar e peças muito finas acabam umidecendo de leve, mas nada que atrapalhe, pelo menos no meu caso.
Óbvio que o efeito não vai ser de uma roupa passada no ferro, mas chega bem próximo e é bem útil para o dia-a-dia.

O aparelho custa 499 reais no site da Philips.

Por .
16out 13

Cuidados com o rosto com Clear Up Cy’zone

Recebi já tem um bom tempo esse trio de produtos Clear Up da Cy’zone. Acabei esquecendo de fazer o um review e lembrei agorinha quando vi as fotos. ;x

Os produtos que recebi foram: Gel de limpeza hidratante, Adstringente bifásico e esfoliante.

Vamos por ordem.

Gel de limpeza

O gel de limpeza eu já deixo ele no meu chuveiro para quando eu tomo banho lavar o rosto com ele.  Gosto bastante do resultado dele pois ele deixa o rosto mais opaco porém sem ficar seco.  Não tenho paciência para lavar o rosto com sabonete especial na pia, apesar de ser o certo, mas como meu rosto não é oleoso também não considero isso como coisa necessária, então usando uma vez por dia esse gel de limpeza já sinto suficiente.

De acordo com o frasco ele tem as funções de:

• Ajudar a remover as impurezas;

• Controlar o brilho e o excesso de oleosidade;

• Hidratar a pele.

Por mim considero que tudo isso tem funcionado, realmente ele tira a oleosidade sem desidratar.

Adstringente bifásico

Esse tem sido meu companheiro de todas as noites! Eu costumo remover minha maquiagem com um demaquiante bifásico que deixa a pele mais oleosa, então após isso uso o adstringente para tirar o óleo e ainda dar uma “limpadinha” final.

As funções dele são de:

• Matificar a pele;

• Controlar o brilho e o excesso de oleosidade.

Também considero que funciona bem em ambas “promessas”.

Esfoliante

Para finalizar a lista, rs. Eu não uso muito esfoliante porque minha pele não é oleosa, mas mesmo, se passo dias muito carregada na make prefiro dar uma passada de esfoliante para dar uma leveza na pele #ficadica. Não sei se vocês percebem o mesmo que eu, mas parece que as vezes nossa pele fica estranha depois de dias carregadas, então pra mim resolve passar um esfoliante.

Ele é diferente dos outros que eu já tive, ele tem as areias em um creme em fez de em um gel. Não sei se é um creme, mas é como se fosse um sabonete junto, achei bem interessante. Ele ajuda bastante para controlar a oleosidade também, tem uma diferença grande na pele após usá-lo.

#APROVADOS

Por .