Comportamento - smartgirls

Posts publicados na categoria Comportamento

12fev 19

PRECISAMOS FALAR SOBRE VAZAMENTO DE NUDES NA INTERNET

Após vazarem um nude da Luisa Sonza, vi que é um assunto que precisamos abordar, porque ainda existem pessoas que vão acusá-la de fazer isso para se promover, mesmo sabendo o efeito devastador que isso pode ter na vida de uma mulher.  No caso de Luiza, não era “revenge porn” (pornografia de vingança), de um ex-namorado (até onde se sabe), mas isso não diminui o fato de que invadir a privacidade de alguém e expor dessa forma é crime.

O que precisamos entender é que muitas vezes, o vazamento de um nude está no contexto de uma violência maior. Às vezes, o agressor não apenas publica a imagem como também ameaça e persegue de outras formas. Ele pode estar enviando centenas de mensagens de texto, aparecendo no trabalho, ameaçando amigos e familiares. Claro que, cada caso é um caso, mas a pornografia por vingança é apenas mais uma forma de manipular e coagir a vítima. Continue lendo

Por .
16jan 19

CUIDANDO DA SAÚDE MENTAL: A IMPORTÂNCIA DE DIZER NÃO

Vivemos em um constante esforço para sermos a melhor funcionária, mãe ou amiga que podemos ser, muitas pessoas levam um estilo de vida cheio de atividades e compromissos. Mas a pressão do malabarismo coloca uma carga muitas das vezes imensurável sobre nossa saúde mental.

Sem espaço para respirar, nos tornamos ansiosos, estressados, e deprimidos, com isso também acabamos sobrecarregando as pessoas ao redor, com uma carga emocional negativa. E se pudéssemos criar um espaço para o nosso bem estar emocional? Pode ser possível com duas letras pequenas: NÃO. No ano passado eu pratiquei bastante essa palavrinha, e não por não querer ver meus amigos que me chamavam pra sair, nem nada, era por aprender a respeitar meu tempo e espaço. Continue lendo

Por .
14jan 19

QUANDO A AUTOESTIMA PRECISA SER TURBINADA

Aos 28 anos de idade, meus seios são naturais, o tamanho de sutiã 48 sempre me causou incômodo, sempre odiei ter seios grandes, é horrível achar sutiã, se exercitar e não ficar vulgar em um decote despretensioso, já que quase tudo fica decotado. Talvez por sempre receber tantos elogios, de amigas e de caras com quem saí, a experiência de tê-los tenha se tornado mais suportável.

Mas e para aquelas que nasceram desprovidas de peitões? Como lidar com a pressão masculina e da moda sobre os corpos? Mais mulheres têm mais dinheiro e influência, oportunidade e reconhecimento do que jamais tiveram antes; mas, em termos de como elas realmente se sentem sobre si mesmas, pode, na realidade, ser pior do que antes. “Estamos no meio de uma violenta reação contra o feminismo, que usa imagens da beleza feudal como uma arma política contra o avanço das mulheres”, escreve Naomi Wolf em O Mito da Beleza. “A ideologia da beleza é a última remanescente das velhas ideologias femininas que ainda tem o poder de controlar aquelas mulheres que o feminismo da segunda onda tornaria relativamente incontroláveis.

Não importa quantas revistas “feministas” possam publicar, o fascismo corporal é reforçado pelos anúncios, pelas histórias de moda e pelas páginas de beleza. Isso me lembra muito o filme “De repente 30”, quando a Jenna enche o sutiã de papel higiênico para ficar igual as meninas da escola que já tinham se desenvolvido. Continue lendo

Por .
05out 18

POLÍTICA, TOLERÂNCIA E MIMIMI

Antes de mais nada gostaria de deixar bem claro que, as opiniões colocadas nesse texto representam somente a minha pessoa. Você pode aceitá-las ou não, pode discordar de maneira respeitosa ou simplesmente ignorar. 

A política parece sempre surgir, especialmente no meio da temporada eleitoral. Quanto mais adiante no processo eleitoral, mais a conversa começa a crescer. Alguns de nós não entendem de política, e muitos de nós não têm ideia de por que as pessoas estão falando muito sobre isso. Todo mundo parece ter uma opinião sobre o assunto e  suas questões, mas nossas opiniões são válidas se não estamos totalmente informados sobre o que está acontecendo?

Em ano eleitoral temos sido bombardeados por opiniões solicitadas e não solicitadas sobre candidatos, grupos extremistas e afins. Confesso que tudo isso me deu uma boa desanimada de ficar “surfando” nas redes sociais. Tentei me abster ao máximo, em partes, por medo das reações as minhas escolhas políticas, mas fato é que nunca vamos agradar a todos e merecemos ser julgados por isso?

A política afeta tudo o que acontece no país, em nosso estado, cidades, em tudo quanto é lugar. As pessoas pensam que, porque não vemos isso acontecendo de imediato, não está fazendo nada por nós. Pensar que a política não importa é um dos maiores erros que você pode cometer. Quando se começa a pensar que a política não é importante e a sua opinião não importa, é quando ela volta e cobra o preço.  Continue lendo

Por .
12set 18

NO SETEMBRO AMARELO: CONHEÇA O APP “TÁ TUDO BEM?”

prevenção suicidio

Nunca se falou tanto em depressão e saúde mental quanto de 2017 para cá. Segundo o Ministério da Saúde aproximadamente onze mil pessoas tiram a própria vida todos os anos no Brasil.

O suicídio é decorrente de uma depressão profunda e pode ser causada por inúmeros fatores. O importante é discutir o assunto e ficar atento aos sinais, muitas vezes podemos ter um amigo pedindo socorro de maneira silenciosa e perceber os sintomas pode ser a diferença entre a vida e a morte. Continue lendo

Por .
06set 18

SONHOS: ELES PODEM MESMO MOSTRAR O NOSSO FUTURO?

Pouca gente sabe qual é verdadeiramente o significado dos nossos sonhos e qual a influência que eles possuem no nosso dia a dia. Existe quem acredite que são meramente visões daquilo que vai acontecer no futuro, mas após vários pesquisadores ignorarem essa opção, começaram a surgir boatos de vários significados que eles podem ter em relação à nossa vida.

Após verificar em vários portais de mística qual o significado dos sonhos chegamos a algumas teorias (lembrando que são só teorias ok?). Continue lendo

Por .
08ago 18

DEPENDÊNCIA EMOCIONAL OU RESPONSABILIDADE EMOCIONAL?

Tenho pensado muito sobre a diferença entre responsabilidade emocional e dependência emocional,  na maior parte do tempo em que estamos conversando com outras pessoas, estamos falando de nós mesmos. Embora pensemos que estamos dando uma opinião sobre algo, estamos projetando e atribuindo aos outros a responsabilidade de como nos sentimos. A maioria dos comentários que fazemos sobre os outros são, na verdade, declarações fracas e disfarçadas sobre nós mesmos.

Você não é responsável pelas emoções de outras pessoas e elas não são responsáveis ​​pelas suas. Aprendi recentemente que há força na vulnerabilidade e coragem em ser honesta consigo mesma e isso me fez entender que não posso mudar como alguém se sente, o que posso fazer é  influenciar suas emoções – para o bem ou para o mal – mas, no final das contas, a pessoa decide suas emoções e comportamento.

Eu lutei por um longo tempo até perceber isso, é desgastante tentar fazer os outros se sentirem bem e por que essa tarefa é minha? Foi difícil mudar a crença de que, por ser amiga de alguém eu era responsável por aquela pessoa, e isso vale para relacionamentos amorosos. Sempre tive a sensação de estar fazendo algo errado, não sendo o suficiente, como se precisasse me esforçar mais, amar mais, dar mais. Continue lendo

Por .
02ago 18

UM VÍDEO RELATO EMOCIONANTE SOBRE DEPRESSÃO

Um relato sobre depressão

Já escrevi no meu outro blog Eu Sem Filtro, que ter depressão vai muito além de estar deprimido(a). Quando você tem depressão, esses sentimentos tristes se tornam esmagadores e duradouros, afetando a forma como você pensa, como se sente e o que faz. Luiz Souza, 30 anos, é publicitário e viu sua vida aos poucos desmoronar quando entrou em um quadro depressivo, lutando dia após dia contra as implicações da doença ele resolveu fazer um vídeo que mostra como ele tem se sentido e leva esperança para quem passa pela mesma situação.

 

Por .
31jul 18

SERÁ QUE ME ENCAIXO NOS PADRÕES LGBTQ+?

 

Foto por: The Sun

 

Uns meses atrás estava no Twitter quando me deparei com uma digital influencer do mundo LGBTQ+, reclamando que uma outra mina estava se queixando do fato dela não pegar mulheres gordas. Fui lá ler do que se tratava, na verdade a menina postou em um grupo fechado sobre a dificuldade de ser gorda e lésbica, porque além dos padrões impostos pela sociedade ela ainda tinha que lidar com o fato de não se encaixar no padrão lésbico de ser magra, loira, etc.

De repente isso tudo virou uma grande discussão mal interpretada onde as minas que deveriam se unir, acabaram se separando ainda mais. Tenho conversado muito com um amigo gay sobre suas inseguranças, sobre como ele se sente preterido na comunidade LGBTQ+ por não fazer parte do “padrão” considerado ideal para a maioria e como isso o impede de se aproximar de alguns caras por medo de sofrer alguma rejeição. Tudo isso me fez refletir no quanto os padrões impostos pela sociedade heteronormativa já causa angústia e que nem mesmo quem se encaixa em uma das siglas LGBTQ+ se sente plenamente à salvo disso.

Por isso, resolvi conversar com alguns membros da comunidade para entender o sentimento por trás de tantas normas e como isso afetava a autoestima e sua maneira de se relacionar com o outro. Continue lendo

Por .
05jul 18

SIMPATIA PRA AJUDAR O BRASIL A GANHAR A COPA DO MUNDO

O futebol é o esporte mais popular do Brasil e do mundo, e a Copa do Mundo é um evento inesquecível e que atrai bilhões de pessoas ao redor do mundo. Claro que o brasileiro é um técnico de futebol e dá os seus palpites para a escalação da seleção e acompanha os jogos com todo fervor e amor. Vamos ver agora uma simpatia muito boa para o Brasil ganhar a Copa do Mundo – você que é fanático por futebol e está vestido de amarelo e tem a bandeira brasileira na janela, preste atenção nesta boa magia e torça para o Brasil!

Continue lendo

Por .