Autor: Vivi Leone

Posts publicados pelo autor.

01fev 21

RELACIONAMENTO AMOROSO NA VIDA DO AUTISTA

Conhecer profundamente o TEA (Transtorno do Espectro Autista) é o primeiro passo para as pessoas que desejam estabelecer um vínculo amoroso com um indivíduo autista.

A pessoa com autismo apresenta o desenvolvimento de seu organismo com os mesmos marcadores entre a infância, adolescência e vida adulta de uma pessoa que não é autista. O que muda para esses indivíduos é o repertório comportamental para lidarem com as relações.

Continue lendo
Por .
28jan 21

A LEGALIZAÇÃO DO ABORTO NA ARGENTINA E SUA IMPORTÂNCIA PARA O MUNDO

Legalização do aborto

A América Latina é um terreno hostil para os defensores dos direitos ao aborto e muitas brasileiras, inclusive, procuram o procedimento nos poucos países vizinhos que legalizaram a prática. Embora ainda estejamos longe de dar esse passo por motivos religiosos, a vitória da Argentina significa um avanço não só para aquela sociedade, mas no geral. 

Como mulher, é importante saber que eu tenho o direito de escolha garantido. Muitas mulheres morrem em procedimentos clandestinos e não contam com apoio da família ou do Governo.

A legalização é uma abertura para muitos outros debates que o presidente Alberto Fernández, um crítico das leis tradicionais da Argentina que restringiam o aborto, vem levantando como igualdade de gênero e direitos de gays e transgêneros. 

Continue lendo
Por .
26jan 21

VELHICES IGNORADAS: A LONGEVIDADE DOS LGBTQIA+

 A longevidade dos LGBTQIA+ no Brasil

Por Layla Vallias

“O gay idoso é mais solitário. Os heterossexuais ficam mais tempo casados; têm filhos e netos. Nós somos mais sozinhos. Sobre a idade, sofro mais preconceito por ser idoso do que pela homossexualidade”, afirmou José Victor, empreendedor, criador da Blue Space, em uma entrevista concedida em 2018 ao programa Chá dos Cinco. Como pesquisadora de Longevidade e Economia Prateada, estou sempre alerta a temas que permeiam o universo do envelhecimento populacional, sobretudo, os que envolvem análises de comportamentos sociais. E, esse depoimento, dá margem para muitas reflexões relevantes para o país.

Há anos tenho pensado sobre as velhices ignoradas. Quando analisamos o Brasil, vemos que o ageísmo – preconceito baseado na idade e que atinge, especialmente, os 60+ – tem comprometido a qualidade de vida, a saúde (física e mental), a empregabilidade e as políticas públicas voltadas aos maduros. Temos um contingente considerável de excluídos pela nossa fixação, como sociedade, pela juventude. Enquanto gastamos um tempo precioso de vida e de planejamento, falando sobre os Millennials, o mundo envelhece. E, nesse contexto, há os que são ainda mais prejudicados por essa miopia social. Estou falando dos LGBTQIA+.

Continue lendo
Por .
19jan 21

QUANTO VALE SEU TRABALHO? – PROFESSORA DE INGLÊS

Professora de inglês e tradutora

Estreando nossa editoria “Quanto vale seu trabalho?”, bati um papo com a minha professora de inglês Mariana Branco, para entender melhor os desafios dessa profissão e como isso impacta sua vida profissional.

O relato a seguir são palavras da própria Mari e sua experiência pessoal. Confira, abaixo.

Continue lendo
Por .
17jan 21

NOVA EDITORIA: QUANTO VALE SEU TRABALHO?

Essa semana vamos estrear uma editoria super bacana chamada: “Quanto vale seu trabalho?”. O objetivo é entender um pouco melhor diversas profissões e os desafios encontrados por profissionais que muitas vezes não tem seu trabalho valorizado ou reconhecido. Além de, entender o contexto que leva aos valores que são cobrados pelo conhecimento de cada um.

Por .
22dez 20

ANITTA: MADE IN HONÓRIO E A GLAMOURIZAÇÃO DO ASSÉDIO MORAL

Anitta made in honorio serie netflix

A série documental Anitta: Made in Honório, foi lançada na quarta-feira (16/12), e repercutiu nas redes sociais. Não pela habilidade da cantora em ser multitarefa, ou por sua visão de negócios como empreendedora, mas por sua inadaptabilidade em liderar e gerenciar equipes. 

A cena polêmica acontece no quinto episódio, onde ela aparece aos berros no telefone, irritada devido a um erro de sua equipe. A poderosa se pronunciou em seu Instagram. “Infelizmente é real. Nessa cena não são funcionários meus que estou falando, são meus sócios. São as pessoas que tenho para sair de mim, extravasar”. 

Continue lendo
Por .
22dez 20

5 E-BOOKS PRA QUEM DESEJA SAIR DO VERMELHO

O ano de 2020 está sendo considerado desafiador em todos os aspectos, por isso uma das mudanças que muitos almejam para o novo ano que está chegando é a de fazer as pazes com os boletos, sair do vermelho e ter um novo olhar para o dinheiro.

Aqui temos 5 dicas de livros para quem quer aprender mais sobre educação financeira:

Leia mai
Por .
20nov 20

RESENHA: UM MÊS USANDO SÓ SALLVE

Resenha de produtos Sallve

Escrevo essa resenha após lavar o rosto com limpador facial da Sallve, dos quatro produtos testados, esse foi de longe o que mais gostei, o primeiro produto da marca que experimentei. Mas antes de falar sobre ele, vou contar um pouco sobre como esteve a textura da minha pele nesse período de uso.

Vem comigo…

Antes de tudo, meu rosto é extremamente oleoso, e durante a pandemia resolvi deixar as maquiagens de lado e investir em produtos que garantissem a saúde da minha pele. Como sempre digo: melhor cuidar do que consertar.

Continue lendo
Por .
02set 20

CASAL DO DUO VENVS LANÇA NOVO ÁLBUM

Dia Nacional da Visibilidade Lésbica, VENVS

Imagine a história de uma pessoa que se encontra perdida, que não se reconhece, está em conflito interno e então, ela inicia sua busca pelo autoconhecimento, descobre cada medo e como superá-lo, encontra o amor-próprio e, finalmente, se vê pronta para abrir o coração. Agora, imagine essa história sendo contada capítulo por capítulo de forma sensível e verdadeira embalada em melodias tocantes, este é o resultado do álbum “Sinergia” do VENVS que chegou a todos os aplicativos de música 28 de agosto, véspera do Dia Nacional da Visibilidade Lésbica.

Com composições autorais e produção completa de Jeff Pina, “Sinergia” traz as experiências individuais de Elektra e Evie como a ansiedade, depressão, saúde mental e amor. Ao longo das faixas o duo encontra uma maneira de conectar suas histórias particulares em uma só, somando energias por meio do amor e da forte ligação que as une. Todo o projeto exalta o amor em todas suas formas, fazendo de sua data de lançamento ainda mais importante e representativa.

Continue lendo
Por .
28ago 20

ME APAIXONEI POR UMA MULHER

Sempre me relacionei com homens, mesmo me considerando bissexual. Eu explorava a fluidez sexual sempre sob a falsa segurança do álcool e talvez por isso, me considerasse “heteroafetiva”, uma palavra que ouvi por aí e reproduzi porque soava bem.

Uma coisa que aprendi ao longo da minha jornada é que a maneira de explorar sua sexualidade é com franqueza e vulnerabilidade – não com álcool e emoções conflitantes e ocultas que você não compartilha com a pessoa com quem está explorando. Há uma grande diferença entre explorar sua sexualidade e ser injusto com alguém de quem você gosta.

Acontece que, me apaixonei por uma mulher pela primeira vez na vida e é por isso que me sinto mais feliz do que nunca. Tenho 29 anos e quatro ex-namorados assombrando meu passado. Então, como vim parar aqui, namorando uma mulher? Por que aqui? Por que agora? A resposta honesta é: destino. 

Continue lendo
Por .